• Por uma cultura de paz e uma mídia cidadã.

Insider

Archives

Campanha do Desarmamento ganha apoio da Seleção Brasileira de Futebol

Campanha do Desarmamento ganha apoio da Seleção Brasileira de Futebol

Futebol   

Campanha do Desarmamento ganha apoio da Seleção Brasileira de Futebol
04/06/2011 – 12:21:46 – por FS – Ministério da Justiça

Quando entrar no campo do Estádio Serra Dourada em Goiânia para a partida amistosa entre Brasil e Holanda, neste sábado (4/6), às 16 horas, a Seleção Brasileira vai ajudar o país a ter ser menos violento. Craques como Neymar, Lúcio, Robinho e Julio Cesar vão carregar uma grande faixa com o slogan da Campanha Desarmamento 2011: Tire uma arma do futuro do Brasil.
A iniciativa busca chamar a atenção da população para o tema e retirar de circulação o maior número possível de armas. A faixa traz o endereço eletrônico onde os cidadãos podem buscar orientações sobre a entrega de armas e os locais de coleta: www.entreguesuaarma.gov.br . A iniciativa do Ministério da Justiça conta com a parceria de diversas de instituições públicas e organizações da sociedade civil como  Viva Rio e Instituo Sou da Paz que integram a Rede Desarma, Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), entre outros.

Desarmamento

Lançada oficialmente no dia 6 de maio, no Rio de Janeiro, pelo ministro José Eduardo Cardozo, a Campanha Nacional do Desarmamento 2011 – Tire uma Arma do Futuro do Brasil tem por objetivo recolher o maior número possível de armas e contribuir para reduzir a violência e as mortes por arama de fogo no país.  Dados oficiais mostram que a arma mais utilizada para matar no pais é o revólver calibre 38, de fabricação nacional e vendido legalmente. A realização das campanhas anteriores promoveu o debate na sociedade, resultou no recolhimento de 550 mil armas e  teve impacto direto na redução dos índices de homicídio.

Neste ano, a Campanha traz quatro novidades: a inutilização das armas no ato da entrega, mais agilidade no pagamento de indenizações, o anonimato para quem fizer a entrega e a ampliação dos postos de coleta.  Além da Polícia Federal,  instituição que tem a atribuição de recolher armas de fogo regularmente, a Polícia Rodoviária Federal e outras corporações já fazem parte da rede de recolhimento.

Coordenada pelo Ministério da Justiça, a campanha promove lançamentos regionais, para que estados e municípios firmem convênio e  ampliem gradualmente a rede de postos de coleta. Além do Rio, Rio Grande do Sul e São Paulo já se engajaram na campanha.

Nesta segunda-feira, a Campanha será lançada em Salvador, com a presença do ministro da Justiça. O evento será às 9 horas, no   Centro de Convenções.

Popularity: 1% [?]

Share and Enjoy:
  • Digg
  • Sphinn
  • del.icio.us
  • Facebook
  • Mixx
  • Google

Deixar um comentário